domingo, novembro 07, 2010

EROSÃO NO LITORAL - O MAR AVANÇA!






Acabo de retornar de uma viagem pelo litoral sul e algumas partes do Vale do Ribeira, região sul do estado de São Paulo.
Nesta oportunidade, pude constatar que a chamada erosão da faixa litorânea vem se fazendo cada vez mais presente, deixando a muitos preocupados com o que vem acontecendo, até porque alguns já perderam propriedades com as alterações litorâneas.
Diáriamente nos deparamos nas listas de discussão e mesmo pela mídia, com notícias a respeito das mudanças climáticas, de aquecimento não só aqui em nosso planeta, como também em diversas partes do cosmo, segundo constatação de cientistas.
O canal Discovery passou a informar nos intervalos, de que estamos em meio a mudança do polo magnetico da Terra, e alerta para suas conseqüências. Filmes e documentários povoam os diversos canais por assinatura a respeito de todas estas novas informações e os problemas que poderemos vivenciar.
No início do ano, pelo canal da Assembléia Legislativa de S.Paulo, uma oceanógrafa anunciava que segundo estudos do governo, 78% do litoral paulista já estava afetado pelo movimento de erosão litorânea. Portanto, praticamente todo o litoral paulista.
Mas uma coisa é lermos estes tantos textos e comentários apocalipticos sobre todos estes fatores, e outra é constatarmos pessoalmente todas estas ações em nosso litoral.
Diversas praias já diminuiram suas faixas de areia, no litoral sul podemos constatar alterações desde os municípios de Santos, São Vicente,na praia dos Milionários, as ondas já batem contra a parece de um prédio, o condomínio teve de contratar caminhões para despejarem grandes pedras para diminuir o choque das ondas contra as estruturas do edifício. Mais ao sul Itanhaém que no ano passado a prefeitura local teve de recuar a avenida beira mar já que até os quiosques já haviam desaparecido. Seguindo sempre para o sul, Peruíbe em sua praia central já tem diminuida sua faixa de areia, o Guaraú, a partir da metade da praia, por sorte a área de preservação, ou seja, não há residências no local, a erosão já mede 40cm (veja de baixo foto), pela praia encontramos diversos pedados de conchas contendo mariscos ainda vivos, dando a entender que haviam sido jogados pelo mar a pouco tempo. Quando observamos estas praias, verificamos que na área de arrebentação, as águas estão turvas, amarronzadas demonstrando o atrito que está avendo, já que o mar parece mesmo estar cavando e rebaixando o nível das praias.
Mas a pior constatação é exatamente a chamada Praia do Leste em Iguape, cuja erosão já chega a pouco mais de 2 metros (como pode ser observado na primeira e segunda foto) deixando apenas escombros de edificações que haviam no local, árvores que enfeitavam aquela praia.
Mas este é só o começo deste processo, e sabemos que muitos terão grandes perdas, já que fizeram grandes investimentos naqueles locais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, quero conhecer sua opinião sobre o que está sendo exibido.